FICHA SUJA: Ex-prefeito de Areial tenta confundir pessoas com certidão equivocada; ENTENDA!

Sendo assim, o ex-prefeito de Areial, Meda de Almeida, e o ex-vereador Adriano Martins de Sales, estão inelegíveis por crime eleitoral nas eleições de 2016.

14 de junho de 2018   

Ex-prefeito de Areial Meda Almeida.

Dias anteriores à publicação do Tribunal Regional Eleitoral da Paraíba (TRE-PB), dando conta de uma condenação sofrida pelo ex-prefeito de Areial, Meda de Almeida (MDB), por abuso de poder político nas eleições de 2016, ele garantiu uma certidão do Cartório Eleitoral dando conta que os seus processos de investigação eleitoral foram julgados improcedentes.

Em outra certidão, emitida pelo mesmo cartório nesta quinta-feira, dia 14 de junho, o órgão reconheceu o equívoco. “Houve um equívoco quanto à certidão datada em 12 de junho de 2018, em que constatava como julgada improcedente o processo de Ação Judicial Eleitoral”, descreve.

Sendo assim, o ex-prefeito de Areial, Meda de Almeida, e o ex-vereador Adriano Martins de Sales, estão inelegíveis por crime eleitoral nas eleições de 2016. Ambos são considerados atualmente fichas sujas.

VEJA OS DOCUMENTOS: 

Certidão “equivocada”.

Certidão que comprova o erro.

Redação.