Pesquisar
Pesquisar
Close this search box.

Auditoria do TCE pede que prefeita de Rio Tinto explique gasto de R$ 400 mil com show de Xand Avião

Auditoria analisou representação do Ministério Público de Contas da Paraíba, que apontou supostas irregularidades nas despesas envolvendo a contratação do cantor.

Publicado: 11/04/2024

FOTO: REPRODUÇÃO

O Departamento de Auditoria do Tribunal de Contas do Estado da Paraíba (TCE-PB) emitiu um parecer para que a prefeita de Rio Tinto, Magna Celi, explique o gasto de R$ 400 mil com o show de Xand Avião. O cantor deve se apresentar na cidade no dia 21 de maio, na festa da padroeira.

O TCE-PB analisa o caso após representação do Ministério Público de Contas da Paraíba (MPC-PB). Nela, o procurador Marcílio Toscano aponta supostas irregularidades nas despesas envolvendo a contratação do cantor.

No documento, é relatado que, para este ano, a Prefeitura vai gastar com Xand Avião R$ 400 mil. Há a comparação com os gastos feitos na mesma festa em anos anteriores.

O relatório aponta gastos de R$ 138 mil em 2019 e R$ 305 mil em 2023. Além do gasto menor do que em 2024, a quantidade de atrações foi maior.

“Constata-se que os gastos com festividades em exercício anteriores, além de possuírem menor valor, foram também mais diversificados (maior número de atrações). A exemplo do ano de 2019, no qual houve quatro atrações, sendo pago o valor total de R$ 138.000,00. Certamente essa é uma estratégia que demonstra um melhor aproveitamento dos recursos públicos (eficiência do gasto), promovendo eventos mais inclusivos e que atenda aos diversos interesses e necessidades da população local”, cita parte do relatório.

Veja abaixo parte do relatório do Departamento do TCE-PB:

Com Halan Azevedo/ClickPB

 

COMPARTILHE AGORA

OUTRAS NOTÍCIAS