Pesquisar
Pesquisar
Close this search box.

Câmara de Alhandra cassa mandato do vereador João Sufoco por xingamentos e ameaças contra parlamentares

Vereador foi acusado de quebra de decoro parlamentar durante quatro sessões. A denúncia contra João Sufoco foi feita pelo MDB e pelo vereador Severino Belmiro Alves.

Publicado: 08/02/2024

FOTO: REPRODUÇÃO

O vereador João Ferreira da Silva Filho (União Brasil), mais conhecido como João Sufoco, teve o mandato cassado nesta quinta-feira (8). A decisão foi tomada pela Câmara Municipal de Alhandra. O vereador não compareceu à sessão e não apresentou defesa contra o pedido de cassação.

O vereador foi acusado de quebra de decoro parlamentar durante quatro sessões. A denúncia contra João Sufoco foi feita pelo MDB e pelo vereador Severino Belmiro Alves. João Sufoco foi cassado por maioria qualificada, ou seja, com mais de dois terços dos votos favoráveis à cassação.

No processo, João Sufoco é acusado de agressão verbal contra o presidente da Casa e agredindo outros parlamentares. Em um dos casos, em setembro de 2023, o vereador João Sufoco ofendeu outros parlamentares e interrompeu a sessão da Câmara chamando outros parlamentares de “babões do prefeito”.

Em outro caso, João Sufoco teria ameaçado um outro vereador. “Agora faça alguma coisa contra mim para você ver a bagaceira”, teria dito João Sufoco contra outro vereador.

Na decisão, a Câmara determinou que a cassação seja comunicada ao partido do vereador e à Justiça Eleitoral. Além disso, a Câmara convocou o suplente para assumir o cargo de forma imediata.

 Com Halan Azevedo

COMPARTILHE AGORA

OUTRAS NOTÍCIAS