Pesquisar
Pesquisar
Close this search box.

Câmara Municipal de Pocinhos atende pedido de Mônica Beto e irá discutir a Violência contra a Mulher

A iniciativa para a realização dessa sessão partiu da vereadora Mônica de Beto (PDT), que tem sido uma voz ativa na defesa dos direitos das mulheres na comunidade.

Publicado: 19/03/2024

FOTO: SE LIGA PB

Na próxima sexta, a Câmara Municipal de Pocinhos sediará uma importante Sessão Especial dedicada a discutir uma questão vital: a violência contra a mulher. O convite para esta reunião foi estendido a todos os cidadãos e cidadãs interessados em contribuir para um debate significativo e aprofundado sobre esse tema crucial.

A iniciativa para a realização dessa sessão partiu da vereadora Mônica de Beto (PDT), que tem sido uma voz ativa na defesa dos direitos das mulheres na comunidade. Reconhecendo a gravidade e a urgência desse assunto, a vereadora mobilizou seus colegas na Câmara Municipal para dar voz a essa discussão essencial.

Marcada para o dia 22 de março de 2024, às 10 horas, a Sessão Especial promete reunir membros da sociedade civil para compartilhar experiências, propor soluções e traçar estratégias para combater e prevenir a violência contra as mulheres em Pocinhos e região.

O Presidente da Câmara Municipal, Carlos Eduardo Câmara Menezes, expressou seu apoio total a essa iniciativa e ressaltou a importância de uma abordagem coletiva para enfrentar esse problema por entender que a violência contra a mulher é uma realidade presente em todas as sociedades, incluindo Pocinhos.

Mônica enfatizou que seja física, psicológica, sexual ou econômica, a violência traz danos profundos e duradouros às vítimas, suas famílias e à sociedade como um todo. Portanto, para ela, é crucial que sejam implementadas medidas concretas para prevenir e erradicar essa forma de violência.

“Nesse contexto, a Sessão Especial na Câmara Municipal de Pocinhos representa uma oportunidade valiosa para mobilizar a comunidade, promover a conscientização e promover ações concretas para enfrentar esse desafio complexo. Todos são convidados a participar e contribuir para construir um futuro onde todas as mulheres possam viver livres de violência e com pleno respeito aos seus direitos fundamentais.”. Explicou a vereadora Mônica de Beto.

Assessoria

COMPARTILHE AGORA

OUTRAS NOTÍCIAS