Carretas com madeira com nota fiscal irregular são apreendidas pela Receita no Sertão

As duas carretas com madeira tinham destinos às cidades de Lagoa e Juripiranga, mas as placas eram da cidade de São Bento.

Publicado: 05/03/2022

Foto: Reprodução

Duas carretas que transportavam madeira com nota fiscal inidônea, avaliada em R$ 83.617,69 foram apreendidas pela Secretaria de Estado da Fazenda (Sefaz-PB), na última sexta-feira (4), na BR 230, entre os municípios de Cajazeiras e Sousa. 

Após os auditores fiscais constatarem irregularidades na operação fiscal com apresentação de nota fiscal inidônea, ou seja, que não correspondia á carga de madeira, foi lavrado o auto de infração e contabilizada a carga para a cobrança do tributo e da multa, que resultou em um total de R$ 26.580,00, já devidamente recolhidos aos cofres públicos. As duas carretas com madeira tinham destinos às cidades de Lagoa e Juripiranga, mas as placas eram da cidade de São Bento.

Ações fiscais intensificadas – A Sefaz-PB segue com ações fiscais intensificadas nas cinco gerências regionais do Estado como forma de coibir a circulação de mercadoria com documentação inidônea, pendente de regularidade ou sem nota fiscal. O objetivo da fiscalização, com realização de blitz móveis nas rodovias e de fiscalização de mercadorias em trânsito, por meio de monitoramento, interceptações e de canais de denúncias, é combater a sonegação fiscal e a concorrência desleal.

Por Emmanuela Leite/ClickPB


 

COMPARTILHE AGORA

OUTRAS NOTÍCIAS