Pesquisar
Pesquisar
Close this search box.

Crise nas prefeituras: 60% dos municípios da Paraíba estão em atraso com pagamento de fornecedores, aponta CNM

Das 147 prefeituras paraibanas que responderam ao questionário enviado, 88 confirmaram que estão em atraso com empresas que fornecem algum serviço a administração municipal.

Publicado: 01/12/2023

FOTO: REPRODUÇÃO

Um levantamento feito pela Confederação Nacional dos Municípios (CNM) divulgado nesta sexta-feira (01) revela que 60% das prefeituras da Paraíba estão em débito com os fornecedores. Das 147 prefeituras paraibanas que responderam ao questionário enviado, 88 confirmaram que estão em atraso com empresas que fornecem algum serviço a administração municipal.

Esse dado representa 59,9% dos municípios paraibanos, já que 56 disseram que estão com os pagamentos em dia e outros três não responderam a pesquisa.

Também foi questionado aos gestores se eles conseguirão fechar as contas deste ano. Na Paraíba, 71 disseram que sim e 51, não. Significa que 48,3% conseguirá terminar 2023 com as contas em dia.

Os prefeitos se mostraram otimistas com relação a 2024. A maioria (63,95) disse estar confiante sobre as finanças melhorarem. 

A CNM realizou a pesquisa através de contato telefônico. Nesta primeira etapa, a despeito da Confederação ter tentado contatar todas as prefeituras, 4.456 delas responderam o questionário. 

Com Nice Almeida/ClickPB

COMPARTILHE AGORA

OUTRAS NOTÍCIAS

Rolar para o topo