Acusado de matar casal em acidente de trânsito em Caaporã vai para presídio em Mangabeira

De acordo com o delegado do caso, Francisco Basílio, ele confessou ter bebido na
noite anterior ao acidente que vitimou o casal

11 de outubro de 2019   

Acidente ocorreu no último dia 4 de outubro (Foto: Reprodução)

O acusado de causar a morte do casal de empresários Carmen Dolores e Rilson Correa, em um acidente entre carro e moto, no último dia 4 de outubro, na PB-044, em Caaporã, foi para a cadeia. O pernambucano Philippe Wollney, 32 anos, que dirigia o carro no momento do acidente, foi encaminhado para a penitenciária de segurança média Juiz Hitler Cantalice, no bairro de Mangabeira, em João Pessoa.

O homem recebeu alta do Hospital de Trauma, onde tinha ficado internado após o acidente, há quatro dias e passou por audiência de custódia antes de ir para a penitenciária, onde está em cela especial, por ter dois cursos superiores.

De acordo com o delegado do caso, Francisco Basílio, ele confessou ter bebido na
noite anterior ao acidente que vitimou o casal, que era proprietário de uma casa lotérica em Caaporã, e confirmou tudo que disse ao delegado durante a audiência de custódia.

Leia mais

Fonte: ClickPB