Deputado Manoel Ludgério “supostamente” usa Câmara de Campina como “Cabide de Emprego” para correligionários

A Câmara de Campina Grande é presidida pela esposa do Deputado Manoel Ludgério, a vereadora Ivonete Ludgério

4 de outubro de 2017   

Foto/Reprodução

Bastou uma leve pesquisa no sagres para nossa equipe identificar vários correligionários do Deputado Estadual Manoel Ludgério (PSD) à serviço da Câmara Municipal de Campina Grande, que é presidida pela sua esposa Ivonete Ludgério, também do PSD.

Apenas por contração por excepcional interesse público são mais de 260 nomes, com salários vantajosos, podendo chegar aos R$ 4.000,00. Exemplo disso é o pai do prefeito de Alagoa Nova, Otávio Leite Sobrinho, com salário que chega aos R$ 2.500,00. A família da sua esposa, com sobrenome Andrade, tem sido bastante prestigiada pelo poder legislativo. Apenas Manoel Felipe de Andrade Neto leva dos cofres públicos o montante de R$ 4 mil ao mês.

Esses são apenas exemplos de quanto a Câmara da segunda cidade mais importante do estado tem “agraciado” correligionários e familiares dos seus representantes. Não é difícil encontrar nomes de pessoas ligadas ao deputado Manoel Ludgério, de várias cidades que o mesmo é apoiado.

Certificamos que essas informações são do sistema Sagres, do Tribunal de Contas do Estado da Paraíba (TCE). Qualquer cidadão pode acessa-las pelo enderenço eletrônico sagres.tce.pb.gov.br e fiscalizar como os recursos estão sendo investidos, assim como folha de pagamento, contratados e licitações.

Nossa equipe tentou contato com o Deputado Manoel Ludgério e a presidente da casa, a vereadora Ivonete Ludgério, mas as nossas ligações não foram atendidas. O portal Se Liga PB se coloca à disposição para eventuais esclarecimentos dos nomes citados, incluindo direito de resposta.

REDAÇÃO.