Pesquisar
Pesquisar
Close this search box.

“Eu confiava 100% nele”, afirma o prefeito de Areial sobre o rompimento com Carlos Henrique

O ex-secretário apresentou sua renúncia ao cargo em um momento marcado pela indicação de Afonso Henrique, vereador e ex-presidente da Câmara, como pré-candidato a prefeito pelo gestor.

Publicado: 02/03/2024

FOTO: REPRODUÇÃO

O prefeito de Areial, Adelson Benjamim, em entrevista ao Programa Se Liga PB, na tarde deste sábado (02), comentou sobre o rompimento com o ex-secretário de Administração, Carlos Henrique, e afirmou que confiava 100% nele.

“Ele era minha pessoa de extrema confiança”, afirmou.

O ex-secretário, conhecido por sua lealdade, apresentou sua renúncia ao cargo em um momento marcado pela indicação de Afonso Henrique, vereador e ex-presidente da Câmara, como pré-candidato a prefeito pelo gestor. O vereador Marcos da Constrular foi escolhido como vice na chapa.

De acordo com Adelson, Henrique já anunciou o rompimento, apesar de terem sentado diversas vezes para conversar e do ex-secretário ter sua total confiança.

“Eu confesso que confiava 100% nele. Ficou ruim pra ele porque quem vai confiar nele agora? Nunca imaginei passar por isso, sempre confiei nele e era entregue tudo nosso a ele”, disse.

O prefeito pontuou que foi a maior decepção dentre os rompimentos de aliados, mesmo sendo natural na política. Ele enfatizou que foram 16 anos de parceria em cargos importantes como chefia de gabinete, finanças, administração, e por isso a grande decepção.

“Acho que não precisa disso, até dei conselho a ele dizendo que a eleição passa, que quatro anos é amanhã”, revelou.

O prefeito disse que o sentimento é de ter sido traído, porém não guarda mágoas, apenas se encontra decepcionado com atitude de Henrique.

“Fico triste com esse tipo de coisa, isso não é desse jeito. Ele perdeu muito, sempre dei total liberdade e confiança a ele”, desabafou Adelson.

Carlos Henrique agora enfrenta um momento crucial em sua trajetória política, e a expectativa recai sobre qual caminho irá trilhar a partir do rompimento com o gestor, visto que seu nome tem grande força na cidade.

Redação

COMPARTILHE AGORA

OUTRAS NOTÍCIAS