Pesquisar
Pesquisar
Close this search box.

Família denuncia desaparecimento de travesti em Puxinanã; polícia investiga o caso

Uma amiga da travesti contou à família que pessoas teriam invadido a casa e levado ela. O Corpo de Bombeiros deve iniciar buscas em açudes e regiões de mata próximos a casa da desaparecida.

Publicado: 22/04/2024

FOTO: REPRODUÇÃO

Uma família de Puxinanã, no Agreste da Paraíba, denunciou o desaparecimento de uma travesti, ocorrido há uma semana. Afrodite, de 40 anos, foi vista pela última vez na terça-feira (16). A Polícia Civil investiga o caso.

De acordo com familiares, na quarta-feira (17), uma amiga foi até a residência da mãe de Afrodite perguntando se ela estava no local, mas a travesti não estava lá. A família conta que a mesma amiga foi até a casa de Afrodite e contou para o irmão da travesti que pessoas teriam invadido a casa e levado ela.

Os familiares também disseram  que encontraram a casa da desaparecida aberta e todos os documentos da travesti estavam no local. Os vizinhos também afirmam que não viram nada e não comentam o desaparecimento dela.

A Polícia Civil da Paraíba investiga o desaparecimento e, pelo longo tempo de desaparecimento, iniciou um protocolo de buscas junto ao Corpo de Bombeiros, que deve começar a procurar por Afrodite em regiões de matas e açudes próximos a casa dela.

Fonte: g1 PB

COMPARTILHE AGORA

OUTRAS NOTÍCIAS