29 paraibanos participam das Paralimpíadas; Tovar destaca força dos atletas que quase não contam com apoio do poder público

O deputado estadual Tovar Correia Lima (PSDB) desejou sorte e destacou a preparação e garra dos 29 atletas paraibanos que integram a delegação do Brasil, nas Olimpídas e Paralimpíadas de Tóquio, no Japão

19 de julho de 2021   

Deputado Estadual Tovar / Foto: Assessoria

O deputado estadual Tovar Correia Lima (PSDB) desejou sorte e destacou a preparação e garra dos 29 atletas paraibanos que integram a delegação do Brasil, nas Olimpídas e Paralimpíadas de Tóquio, no Japão, que deve garantir a eles chances reais de conseguir a conquista de medalhas. O principal evento esportivo do mundo terá início no dia 23 de julho e o encerramento marcado para 8 de agosto.
 
“Os atletas paraibanos, principalmente os paralímpicos quase não contam com o apoio do poder público. O Governo do Estado não prioriza e não investe no esporte e só temos a lamentar. Precisamos realizar o mapeamento dos nossos talentos e investir neles, além de possibilitar que crianças e adolescentes tenham espaço e incentivo para se desenvolver no esporte”, disse.
 
Na delegação brasileira estão os paraibanos: Álvaro Filho, na modalidade de vôlei de praia; Jucilene de Lima, no lançamento de dardo e ainda Andressa Morais, no arremesso de disco. Já Matheus Cunha e Santos, estarão em campo tentando trazer medalha no futebol e nos saltos ornamentais, Luana Lira, enquanto que Edival Marques Neto, pelo taekwondo.
 
Nos Jogos Paralímpicos, 22 paraibanos foram convocados para integrarem a delegação do Brasil. Na modalidade de goalball, estarão no Japão, os jogadores Emerson Silva e José Roberto, pela seleção masculina, enquanto que Dailton Freitas e Jonatas Castro, técnico e assistente técnico da seleção feminina. No futebol de cinco, o treinador Fábio Luiz e o assistente Josinaldo Costa, estão confirmados, além do analista técnico, Alexandre Sérgio, do preparador físico Edson Gomes e do fisioterapeuta Harekson Barbosa, bem como os jogadores Damião Robson, Matheus Costa, Luan Lacerda e Jardiel Vieira.
 
No atletismo, está confirmado o nome de Petrúcio Ferreira, considerado o atleta paraolímpico mais rápido do mundo e ainda Cícero Valdiran, Ariosvaldo Fernandes e o treinador Pedro Almeida. No taekwondo, a atual campeã pan-americana Silvana Fernandes e no halterofilismo e judô, os atletas Ailton Andrade e Wilians Silva, respectivamente, enquanto que na natação, Ronystony Cordeiro, como atleta e o enfermeiro da equipe, Adeilton Dantas.