Gabinete Virtual movimenta mais de 30 mil feitos e beneficia mais de 15 unidades judiciárias

Publicado: 08/12/2021

Banner Ilustrativo

Desde que foi instituído, o Gabinete Virtual tem demonstrado uma produtividade significativa e crescente, além de auxiliar as unidades judiciárias na tramitação e, consequente, diminuição do acervo processual paralisado. De junho/2020 a junho deste ano, o GV movimentou 26.213 feitos (14.839 despachos, 4.214 decisões e 7.160 sentenças). Somados aos 5.726 atos executados de agosto a dezembro/2021, chega um total de 31.939 processos movimentados pelo Gabinete ao longo do ano, com atuação em mais de 15 unidades da Justiça estadual. 

Além disso, o Gabinete Virtual participou também das duas edições (agosto e novembro) da Semana da Justiça pela Paz em Casa, compostas de esforços concentrados envolvendo processos relacionados à violência doméstica e familiar contra a mulher, bem como, auxiliou a 2ª Vara da Fazenda Pública da Capital a bater o cumprimento da Meta 2 do Conselho Nacional de Justiça. Atualmente o GV está apreciando processos da 4ª e 6ª (acervo B) Varas da Fazenda Pública da Comarca de João Pessoa. Os trabalhos irão até janeiro/2022.

Formado por um grupo de magistrados, com respectivos assessores, o GV é presidido pelo Desembargador João Benedito da Silva, o qual explicou a necessidade de fixar um direcionamento das ações do Gabinete Virtual, desde o início do ano, de forma a alcançar, na medida do possível, o objetivo previsto em Resolução específica do Tribunal de Justiça. Ele ressalvou que, nesta seara, foram introduzidos no grupo os magistrados Phillipe Villar e Pedro Davi, que passaram a atuar em conjunto com os juízes Fábio Brito e Jeremias Melo.

“Os números consolidados demonstram que o gabinete Virtual bem se desincumbiu de sua missão, entregando uma prestação jurisdicional em consonância com a celeridade determinada pela Constituição Federal. Exalto e parabenizo o esforço e dedicação dos magistrados que compõem o grupo, Fábio Faria, Jeremias Melo, Phillippe Vilar e Pedro Davi, com o apoio indispensável do juiz Euler Jansen”, destacou o Desembargador João Benedito.

O presidente do GV realçou, igualmente, o suporte de qualidade dado pelos assessores, estagiários de pós-graduação e servidores dos gabinetes dos juízes do grupo e das unidades contempladas. “A convergência de esforço desses atores tornaram possível a proficiência revelada pela relevante produtividade apresentada, e fazem do Gabinete Virtual um “Gabinete Virtuoso”, arrematou o Desembargador João Benedito.

O Gabinete Virtual foi instituído no Judiciário estadual por meio do Ato da Presidência do Tribunal de Justiça da Paraíba n° 29/2020, como ferramenta de auxílio à prestação jurisdicional nas unidades judiciárias de 1º Grau. Os magistrados Fábio Brito de Faria, da 2ª Vara Mista da Comarca de Cuité, Phillipe Guimarães Villar, da Vara Única de Soledade, Pedro Davi, da 1ª Vara Mista de Piancó, e Jeremias de Cássio Carneiro de Melo, da 2ª Vara Mista de Queimadas, integram o GV, com o apoio do juiz auxiliar da Presidência do TJPB, Euler Paulo de Moura Jansen, e do juiz auxiliar da Corregedoria, Fábio Araújo.

Por Gecom-TJPB

COMPARTILHE AGORA

OUTRAS NOTÍCIAS