Idoso morre após elevador despencar de 1º andar

Caso aconteceu em Ponta de Campina, Cabedelo, na Grande João Pessoa. A esposa dele, de 82 anos, que é cadeirante, sofreu ferimentos leves

26 de novembro de 2019   

Casa fica em Ponta de Campina (Foto: Reprodução/TV Correio)

Um idoso de 83 anos morreu, nessa segunda-feira (25), após o elevador adaptado da casa onde ele morava despencar. O caso aconteceu em Ponta de Campina, Cabedelo, na Grande João Pessoa. A esposa dele, de 82 anos, que é cadeirante, sofreu ferimentos leves. Ela foi levada para o Hospital de Emergência e Trauma da Capital, onde permaneceu em observação por algumas horas. De acordo com boletim médico, a idosa recebeu alta à 1h25.

Conforme apuração da TV Correio, o elevador teria despencado de uma altura aproximada de 4 metros, após os cabos que sustentam o aparelho se romperem. Ainda de acordo com a TV Correio, o equipamento foi instalado pelo próprio idoso, com ajuda de um filho. A manutenção também seria feita pelo próprio idoso. A falta de um serviço especializado e periódico pode ter contribuído para o acidente, segundo adiantaram peritos que estiveram no local.

“Será aberto um inquérito para apurar se há responsabilidade de terceiros. Mas, pelo relato dos familiares, o idealizador do elevador foi a própria vítima”, informou a delegada Vanderleia Gadi.

Assista à matéria da TV Correio:

Portal Correio