Padre que estava em Areial assume nova paróquia criada pela Diocese de CG, em Gurjão

O referido Sacerdote fez a profissão de fé, e o juramento de fidelidade conforme as prescrições da Igreja.

29 de julho de 2019    [post-views]

Padre Dorivaldo de Souza, assume paróquia de Gurjão. (Fotos: Rafael Augusto- Assessoria Diocese CG)

O Padre Dorivaldo de Souza, que estava como vigário na paróquia São José, em Areial, assumiu uma nova missão a frente da mais nova paróquia da Diocese de Campina Grande. Ele agora estará como administrador paroquial da Paróquia São Sebastião, no município de Gurjão, no Cariri do estado. A missa de posse aconteceu neste Domingo(28), presidida pelo bispo diocesano Dom Dulcenio Fontes de Matos.

A solene celebração que marcou o início da criação da Paróquia São Sebastião foi presidida por Dom Dulcênio e concelebrada por demais padres. Fizeram-se presentes na Igreja Matriz, que ficou pequena, autoridades locais do município, uma grande quantidade de fiéis, muitos deles, vindos de Areial, onde o Padre Dorivaldo exercia sua função de vigário.

Após a Leitura do Decreto Canônico de Criação da Paróquia, proferida pelo Vigário Geral da Diocese, o Padre Luciano Guedes; o Senhor Bispo apresentou à comunidade o Padre Dorivaldo, confiando-lhe o rebanho de Deus localizado naquela cidade. O referido Sacerdote fez a profissão de fé, e o juramento de fidelidade conforme as prescrições da Igreja.

A Concelebração de posse canônica seguiu de acordo com o ritual, com peculiaridades significativas, tais como, a entrega das Chaves da Igreja, e a Chave do Sacrário, a ida à Pia Batismal, ao Confessionário, onde o Padre Dorivaldo recebeu Estola Roxa, configuram-se em são sinais que exprimem o caráter do trabalho pastoral que o Padre Dorivaldo irá desempenhar frente à sua comunidade.

Detendo-se a Liturgia da Palavra deste 17ª Domingo do Tempo Comum, o Bispo pontuou a perseverança como uma virtude na vida do fiel. “A insistência na Oração é imprescindível!”. E usando o trecho do evangelho reforçou e encorajou à assembleia na fé: “Meus irmãos, pedi e recebereis; procurai e encontrareis; batei e vos será aberto. Pois quem pede, recebe; quem procura, encontra; e, para quem bate, se abrirá.”. Enfatizou o Pastor Diocesano.

Acerca do jubiloso momento de ereção Canônica da Paróquia, imbuídos na alegria do Nosso Senhor Jesus, Dom Dulcênio falou com estima acerca deste marco e dizia em sua homilia: “Primeiro, quando pensamos em elevar uma Comunidade à Paróquia, é porque a caminhada dela já está sólida e bem madura, segundo, é com muita alegria que o Seu Bispo traz para vocês este presente, a criação da Paróquia e um Sacerdote!”. Explanou o Senhor Bispo.

Já o Padre Dorivaldo em suas primeiras palavras à Comunidade, agradeceu ao Bispo pela confiança e missão dada. Em seguida dirigiu-se ao povo, colocando-se como um servidor do reino. “Aqui estou, para juntos caminharmos, juntos Crescermos na fé a cada dia, quero dá continuidade aos trabalhos realizados pelos colegas que aqui já passaram. Obrigado pelo carinho e pela acolhida de todos vocês.” Comentou o Administrador Paroquial da nova Paróquia.

Enquanto área pastoral, a comunidade fora assistida recentemente pelos Padres Joselito e Manoel Cristino. Agora na condição de Paróquia fica sob os cuidados do Padre Dorivaldo. A Nova paróquia contém 32 comunidades e está situada na Forania Cariri I. O Sonho de elevação à Paróquia é antigo por parte do povo Gurjaenses, devotos de São Sebastião. A Igreja Matriz tem datação de 1862, tendo, portanto, 157 anos de história.

Redação com Assessoria Diocese CG