Pesquisar
Pesquisar
Close this search box.

Polícia diz que todos os indícios levam a crer que Sophia está morta e corpo foi ocultado pelo suspeito

A polícia disse em entrevista coletiva hoje (22) que todos os indícios levam a crer que ela foi assassinada e o corpo ocultado pelo suspeito.

Publicado: 22/09/2023

Foto: Reprodução

As investigações sobre o caso do desaparecimento Ana Sophia Gomes dos Santos, de 8 anos, apontam para a morte da criança. A polícia disse em entrevista coletiva hoje (22) que todos os indícios levam a crer que ela foi assassinada e o corpo ocultado pelo suspeito.

O delegado da Polícia Civil, Pablo Everton, informou que Tiago Fontes, marido de uma professora de Sophia é o principal suspeito, mas que nenhum corpo foi encontrado na casa dele. As buscas por ela continuam para concluir as investigações.

“Todos os indícios levam a crer que ela foi morto e o corpo ocultado pelo suspeito. Fizemos buscas na casa, mas o corpo não foi ocultado lá”, informou o delegado.

Pablo Everton, um dos delegados da Polícia Civil que investigam o fato, revelou que Tiago observava a rotina da família de Ana Sophia e conhecia de perto o comportamento de todos da casa. “Ele observava a família toda, as irmãs de Sophia e ela também”, relatou.

Ana Sophia desapareceu no dia 4 de julho no distrito de Roma, em Bananeiras. 

Tiago está desaparecido e é considerado foragido. As provas colhidas durante as investigações levam, segundo a polícia, a tratá-lo como acusado.

“Ele não é vítima, é acusado”, acrescentou o delegado.

A polícia ainda não considera que familiares do suspeito, como a esposa, tenham envolvimento com o crime.

O que a polícia já tem certeza é que Sophia entrou na casa do suspeito e não saiu mais de lá.

Com ClickPB

COMPARTILHE AGORA

OUTRAS NOTÍCIAS