Advogado de Remígio diz que ele e o sogro, um idoso de 64 anos, estão sendo vítimas de calúnia e difamação por uma médica, esposa de ex-prefeito de Pilõezinhos. ENTENDA!

As ameaças começaram após as transações envolvendo a venda de um carro

23 de novembro de 2021    [post-views]

O advogado Genildo Vasconcelos Cunha Júnior e o sogro, Benedito Fernandes Dias. (Foto: Montagem Se Liga PB)


Em nota de esclarecimento, o advogado Genildo Vasconcelos Cunha Júnior, casado e morador do município, juntamente com o seu sogro, o senhor Benedito Fernandes Dias, um idoso de 64 anos de idade, vem a público desmascarar algumas Fake News divulgadas pela médica e esposa do ex-prefeito de Pilõezinhos.

A senhora Lucianne Saldanha (parente da médica) realizou uma transação financeira de um veículo, no valor de R$ 110 mil, vendido ao Sr.Genildo. (NOTA AO FINAL DA MATÉRIA EXPLICANDO O OCORRIDO)

Segundo o advogado, após ele ter comprado o veículo e acertado o valor de forma presencial, e ter juntamente com o esposo de Lucianne Saldanha entregue a posse do veículo desde a primeira vistoria, a cautelar, desapareceu do Banco do Brasil ( agência 3165 – Bairro Bessa), logo após a transferência bancária para a conta que a mesma apresentou. Logo após esses fatos, ao se dirigirem ao Cartório, Genildo afirma que o esposo da vendedora do veículo, o senhor Francisco Vicente, tentou se passar por vítima de um golpe.

“Com argumentos vazios, tentou se passar por vítima de um golpe, alegando que o dinheiro da conta que a sua esposa apresentou na agência bancária para que fosse efetuado os depósitos de parte do valor, teria caído na conta apresentada a ela pelo senhor Josmar, aquele que apresentou o anúncio do veículo na OLX, mas ele não havia transferido para a Sra Lucianne”, explica.

“Momento em quê, o Sr. Genildo, juntamente com o seu Sogro disseram que fizeram negócio com o Sr. Francisco e com a Sra. Lucianne, e pediram a restituição do valor ou a entrega do recibo do veículo, visto que tratou de valores e de conta de depósito, diretamente com a Sra. Lucianne e com o esposo desta”, continua na nota.

“Ao se dirigirem ao prédio ao qual a Sra Lucianne apresentou como sua residência, surgiu no local um Sr. Chamado LUIZ GOMES JÚNIOR, que se apresentou como advogado, porém, ele não possui registro na Ordem dos advogados do Brasil. Este, passou a discutir com o Sr. Genildo e com o Sr. Benedito, os mandando para a delegacia, afirmando que os mesmos haviam caído no golpe da Olx e alegou que a sua família não teria nada a ver com isto. INDIGNADOS, o Sr. Genildo e o Sr. Benedito, pediram a imediata restituição de valores ou o recibo do veículo, momento em que, informaram que levariam o veículo até que tudo se resolvesse”, sublinhou.

Ainda conforme relatado na nota, no momento que ele o sogro se dirigiram para o veículo, o Sr. Luiz Gomes Júnior, passou a empurrá-los pedindo as chaves do veículo. Ato contínuo, após segurar no pescoço do Sr. Genildo para agredí-lo, o Sr, Benedito Fernandes, em legítima defesa de terceiro, jogou uma pedra no Sr. Luiz Gomes e este, agrediu imediatamente o Sr. Benedito de 64 anos de idade.

“Por sorte, pessoas que presenciaram toda a discussão, conseguiram conter este Sr. Luiz Gomes que tem um porte alto e idade de mais ou menos 35 anos. Ato contínuo, o Sr. Genildo e o Sr. Benedito entrou no veículo e o Sr. Luiz Gomes Júnior deferiu vários golpes no vidro do carro para atingir o Sr. Genildo.

Desesperados, e por medo de sofrerem algum perigo de vida, saíram do local com o veículo e se dirigiram até a cidade de Esperança, chegando na cidade por volta das 23 horas, momento em que, imediatamente certificaram a ocorrência na Delegacia Civil da cidade de Esperança”, complementa a nota.

“No sábado, o Sr. Genildo e o Sr. Fernando tomou conhecimento de fake news espalhadas pela Sra. Lucianne e seu esposo, Sr. Francisco, pelo Sr. Luiz Gomes Júnior, e por uma médica Sra. Lunnara Saldanha. A Sra Lunnara Saldanha, por ser médica e esposa do ex-prefeito de Piloezinhos, pela influência que possui, ESPALHOU FAKE NEWS alegando que o seu carro havia sido roubado por um advogado e por um comerciante da cidade de Remígio/PB, tentando denegrir a imagem dos dois cidadãos de bem. PORÉM, o carro sequer SEQUER está em seu nome, na verdade, o documento do veículo consta o nome da sra. Maria Bezerra Saldanha, provavel membro da família, porém, sem tanta influência quanto a médica esposa de um ex prefeito”, ainda situou.

Ao final da publicação, os senhores Genildo Vasconcelos e Benedito Fernandes, diz que está tomando todas as medidas cabíveis na esfera jurídica

Leia a nota na íntegra abaixo para entender:

Redação