Depois da pressão popular, Câmara de Alagoa Nova aprova projeto de suplementação do executivo

O projeto foi aprovado em sessão extraordinária solicitada pelo presidente, vereador Ícaro Teixeira (MDB)

15 de outubro de 2019   

A Câmara de Alagoa Nova aprovou, por unanimidade, no inicio da tarde desta terça-feira, dia 15, o projeto de suplementação encaminhado pelo poder executivo. O prefeito, Aquino Leite (PSDB), pediu uma suplementação de 20% para garantir os serviços, incluindo o pagamento da folha de pessoal.

Os serviços no município estavam suspensos, por determinação do chefe do executivo, incluindo coleta de lixo. De acordo com o gestor, ele não poderia ordenar despesas sem a devida autorização da Câmara. Ainda de acordo com Aquino, a Câmara dificultou a aprovação do projeto por “picuinhas políticas”, ocasionando a paralisação da máquina pública e prejudicando os munícipes.    

Na última segunda-feira, dia 14, a Câmara colocou o projeto em votação e mais uma vez houve resistência da parte oposicionista. Um vereador pediu vista, gerando tumulto e confusão generalizada de moradores que ocupavam o plenário do poder legislativo.

O projeto foi aprovado em sessão extraordinária solicitada pelo presidente, vereador Ícaro Teixeira (MDB). Mais uma vez o plenário foi ocupado pela população que comemorou a aprovação do projeto e espera ansiosa pelo retorno dos serviços ofertados pela prefeitura local.

VEJA MOMENTO DA APROVAÇÃO:

Redação