DEU CANO: Ex-prefeito de Aroeiras deixa de pagar mais de R$ 32 mil a empresa fornecedora de medicamentos ao município, denuncia vereador

Mylton Marques é o ex-prefeito e atual secretário de finanças do seu tio e atual prefeito, César Marques. A empresa Droga Fontes cobra da prefeitura R$ 32 mil pelos produtos vendidos

20 de agosto de 2021    [post-views]

Vereador de Aroeiras, Rivaldo Hilário. (Foto: Arquivo pessoal)

O vereador de Aroeiras, Rivaldo Hilário(foto), do Solidariedade, subiu à tribuna da Câmara Munipal, para denunciar o ex-prefeito do município, Mylton Marques(PSDB), por não pagar a empresa que vem fornecendo os medicamentos oferecidos pelos serviços de saúde, a empresa Droga Fonte, com sede na capital pernambucana.

Mylton é o atual secretário de finanças do município, após eleger sucessor o seu tio, Cesar Marques. O vereador subiu a tribuna para denunciar que Mylton não empenhou o valor que deveria ser pago à empresa, e por isso, o contrato foi cancelado e a empresa estaria tendo prejuízos com o não pagamento. A Droga Fonte ganhou a licitação, e o montante, que não foi pago, chega a quase R$ 32 mil.

“Esses dois cidadãos(Mylton e César) vem dando calote na empresa. Vocês sabem o que é calotar. O dono e os representantes da empresa já vinheram diversas vezes a Aroeiras procurar o prefeito e o secretário, e mesmo todos na prefeitura, ficava se escondendo para não pagar esta dívida”, disse Rivaldo.

O vereador pontua que mesmo a dívida não sendo um valor alto, para uma prefeitura, a sua preocupação maior é com a população que não pode ter um remédio quando adoece, e que muitas vezes não condições de pagar do próprio bolso medicamentos que chegam a custar R$ 130. “Como ontem uma pessoa mandou a foto da caixa de um medicamento, que há mais de um ano não tem na secretaria e nem na farmácia”, pontuou.

Até o presente momento, a prefeitura de Aroeiras não se manifestou sobre as denúncias.

*Com Informações do Casinhas Agreste

VEJA ABAIXO O VÍDEO DA DENÚNCIA DO VEREADOR:

Redação