Em Alagoa Nova, prefeitos e secretários se reúnem para discutir construção de aterro sanitário entre Remígio e Algodão de Jandaíra

Os prefeitos e secretários anunciaram que o aterro poderá ser construído na Comunidade Serra Preta, em Remígio. O Consórcio vai consultar a SUDEMA

8 de fevereiro de 2019   

Prefeitos e secretários dos municípios participantes do Consórcio de Resíduos Sólidos da Borborema, reunidos em Alagoa Nova

O Consórcio de Resíduos Sólidos da Borborema esteve mais uma vez reunida, nesta sexta-feira(08), no município de Alagoa Nova. Durante a reunião, que contou com a presença de vários prefeitos e secretários municipais, foram feitos alguns encaminhamentos relacionados a principal meta do Consórcio: A construção de um aterro sanitário.

REVEJA: Aquino Leite é reeleito presidente do Consórcio de Resíduos sólidos da Borborema. Gestores discutiram construção de Aterro Sanitário

Na ocasião, ficou definido um terreno para construção do aterro, na Comunidade Rural Serra Preta, localizado no município de Remígio, na divisa com Algodão de Jandaíra. Entretanto, ainda não há nada fechado quanto a este pleito, já que é necessário uma autorização da Sudema, para que aí assim seja iniciado a construção deste aterro. Ficou definido será feita uma consulta junto ao orgão, para iniciar os procedimentos.

Estiveram presentes os representantes de Alagoa Nova(Prefeito Aquino Leite, que é o atual presidente do Consórcio); Barra de Santa Rosa(Prefeito Neto Nepomuceno); Remígio(Prefeito André Alves); Arara(Prefeito Nem Pereira); Matinhas(Prefeita Fátima Silva) e Algodão de Jandaíra(Secretário de Administração e ex-vereador José Armando dos Santos e o Chefe de Gabinete Joacy Izidro).

Redação