Vereador Memel denuncia o descaso que a gestão de Pocinhos vem tendo com a saúde: “Gestão da maquiagem

Publicado: 03/12/2021

Vereador Ramatis Chaves, O Memel. Foto: Assessoria Câmara de Pocinhos

O vereador e líder da oposição de Pocinhos, Memel Chaves, usou as suas redes sociais, e apontou o constante descaso que a população do município vem sofrendo na área da saúde. O parlamentar relata que diariamente recebe depoimentos de pessoas que vão aos postos de saúde, e não encontram os remédios ou os exames que precisam, além de ter que lidar com a realidade de uma secretária de saúde que desconhece a realidade, já que nem na cidade mora.

Em uma mensagem recebida de uma moradora, e que foi exposta nas redes sociais do parlamentar com a autorização da denunciante, ela denuncia que na UBS do Arruda estão com os exames citológicos SUSPENSOS, porque o ar-condicionado da unidade quebrou e até hoje não foi consertado.

-Falta de médico, falta de dentista, falta de material para atendimento, entre outras coisas.
Esta foi a tão falada MUDANÇA.Observação:
Mesmo a gestão recebendo ajuda do governo estadual, através de um convênio celebrado desde de março de 2021, recebe cerca de 150 mil reais mensalmente para a saúde, mesmo assim, a saúde anda de pior a pior-denuncia o vereador, adjetivando a gestão de Eliane Galdino como “gestão da maquiagem”.

Até o presente momento, a gestão pocinhense não respondeu às denúncias do vereador. O espaço fica aberto para a versão contrária.

Redação

COMPARTILHE AGORA

OUTRAS NOTÍCIAS