Pesquisar
Pesquisar
Close this search box.

Técnicos-administrativos deflagram greve a partir de hoje na UFPB; paralisação atinge todos os campi

De acordo com o Sindicato Dos Trabalhadores em Ensino Superior do Estado da Paraíba (Sintesp), a greve que ocorre a partir de hoje (11), tem como objetivo "pressionar o Governo Federal no sentido de oferecer um reajuste salarial para 2024".

Publicado: 11/03/2024

FOTO: REPRODUÇÃO

Os servidores técnicos-administrativos iniciam nesta segunda-feira (11) uma nova greve. A greve foi aprovada em uma assembleia geral na última semana.

De acordo com o Sindicato Dos Trabalhadores em Ensino Superior do Estado da Paraíba (Sintesp), a paralisação que ocorre a partir de hoje (11), tem como objetivo “pressionar o Governo Federal no sentido de oferecer um reajuste salarial para 2024 e promover melhorias no Plano de Cargos e Carreiras dos técnico-administrativos em Educação-PCCTAE”.

Segundo o sindicato, uma negociação realizada no último dia 28 com o representantes do Ministério da Gestão e Inovação em Serviços Públicos – MGI não trouxe resposta positiva aos anseios da categoria da Educação Federal.

Aulas

A reportagem apurou que até o momento, apesar do início da greve por parte dos técnicos-administrativos, as aulas devem ocorrer normalmente nos diversos centros de ensino da instituição.

Hospital Universitário

Neste primeiro momento, os servidores do regime jurídico que trabalham no Hospital Universitário Lauro Wanderley (HULW), não vão paralisar as atividades.

De acordo com o Sintesp, eles só devem aderir ao movimento grevista após a realização de uma assembleia específica. Uma outra reunião também deve definir a quantidade de servidores que vão trabalhar para garantir os serviços essenciais.

Programação

Na programação do primeiro dia de greve dos servidores da UFPB, está prevista para as 09:00 horas, no Centro de Vivência do Campus I, em João Pessoa, uma nova assembleia geral para escolher o comando de Greve, aprovar um percentual para o fundo de greve, elaborar o calendário de mobilizações e definição de outros detalhes.

Greve na UFCG

Na Universidade Federal de Campina Grande (UFCG), uma assembleia realizada pelo sindicato dos servidores (Sintesuf), hoje às 9h, deve definir hoje se uma greve também será deflagrada na instituição.

Com ClickPB

COMPARTILHE AGORA

OUTRAS NOTÍCIAS