Pesquisar
Pesquisar
Close this search box.

Moraes dá 5 dias para X explicar motivo de descumprimentos de decisões judiciais

Segundo a PF, a rede social teria permitido que seis perfis bloqueados pela justiça transmitissem lives, inclusive os dos blogueiros bolsonaristas Allan dos Santos e Oswaldo Eustáquio, além do senador Marcos do Val.

Publicado: 23/04/2024

FOTO: REPRODUÇÃO

O ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal, determinou que o X, antigo Twitter, tem até sexta-feira (26) para se manifestar sobre um relatório da Polícia Federal que aponta que a plataforma não tem cumprido decisões judiciais.

Segundo a PF, a rede social teria permitido que seis perfis bloqueados pela justiça transmitissem lives, inclusive os dos blogueiros bolsonaristas Allan dos Santos e Oswaldo Eustáquio, além do senador Marcos do Val.

A milícia digital teria passado a agir fora do território brasileiro para burlar ordens judiciais e continuar difundindo desinformação e estaria autorizada pela plataforma a realizar as transmissões desde o início de abril.

Ao longo do último mês, o dono do X, o bilionário Elon Musk, tem feito críticas a Moraes e ao sistema de justiça brasileiro, afirmando que ambos praticam censura e ferem a liberdade de expressão.

Ele chegou a defender que Moraes renunciasse o posto de ministro.

Desde então, o STF abriu um inquérito contra o bilionário, por obstrução de justiça e dolosa instrumentalização da rede social.

Na última sexta-feira (19), em evento no Museu da Democracia, no Rio, Alexandre de Moraes afirmou que “irresponsáveis ligados às redes sociais” se uniram a “políticos extremistas” para atacar a democracia e a Justiça.

COMPARTILHE AGORA

OUTRAS NOTÍCIAS