Pesquisar
Pesquisar
Close this search box.

Professor é preso em flagrante pela Polícia Federal suspeito de abuso sexual infantil em João Pessoa

A Polícia Federal prendeu um professor em flagrante pela acusação de abuso sexual infantil. Os agentes federais apreenderam na casa do professor arquivos contendo abusos sexuais contra as vítimas.

Publicado: 30/01/2024

FOTO: REPRODUÇÃO

A Polícia Federal prendeu um professor em flagrante pela acusação de abuso sexual infantil. Os agentes federais apreenderam na casa do professor arquivos de imagens e vídeos contendo abusos sexuais contra as vítimas. A prisão ocorreu na manhã desta terça-feira (30), no bairro de Mangabeira, em João Pessoa.

Os agentes federais realizaram o cumprimento do mandado de busca e apreensão contra o professor de 36 anos de idade, que não teve o nome revelado. O professor atuava em sua residência com aulas de reforço escolar, no bairro de Mangabeira. O homem foi preso em flagrante por possuir e compartilhar arquivos contendo abuso sexual infantil.

De acordo com a Polícia Federal, o nome da operação é uma alusão ao deus da justiça na mitologia nórdica, FORSETI, que também era considerado uma força de paz, e reflete os objetivos da Polícia Federal no combate a este tipo de crime. Os crimes investigados são os previstos nos arts. 241-A e241-B do Estatuto da Criança e do Adolescente.

O professor de 36 anos de idade após ser preso em flagrante foi conduzido para sede da Superintendência da Polícia Federal, localizada no bairro João Agripino, onde o acusado deve ficar à disposição da justiça para responder pelos crimes cometidos como determina à lei.

Com Ingreson Derze

COMPARTILHE AGORA

OUTRAS NOTÍCIAS

Rolar para o topo