Pesquisar
Pesquisar
Close this search box.

Após alagamentos, Chió cobra urgência no debate sobre o meio ambiente em João Pessoa

Publicado: 28/05/2024

Nesta terça-feira (28), a população pessoense foi afetada por diversos pontos de alagamento espalhados pela cidade após o registro de chuvas intensas. A ausência de um sistema de escoamento de água eficiente causou transtornos, principalmente no deslocamento de veículos e, segundo o deputado Chió (Rede), acendeu um alerta para a capital. Na Assembleia Legislativa da Paraíba, o parlamentar sugeriu urgência no debate sobre o meio ambiente para evitar catástrofes futuras.

“Muitos de nós aqui hoje quase não conseguem chegar aqui à Assembleia com congestionamentos, alagamentos e muitos problemas. Ouço a fala do deputado Hervázio pedindo mais ações de mobilidade,só que mais ações de mobilidade muitas vezes é só tapar o sol com a peneira. É preciso enfrentar o desmatamento que ocorre na nossa Capital. Muitas áreas que eram locais de absorver as chuvas foram desmatadas para construir arranha-céus, a gente vem acompanhando muitas negligências ambientais”, ressaltou Chió.

Buscando solucionar a questão, o parlamentar sugere a criação de um plano diretor que contemple a conservação de áreas de proteção ambiental, evitando novos desmatamentos e desgastes que possibilitem transtornos futuros.

“É preciso que João Pessoa tenha um plano diretor que ajude a conservar áreas de proteção ambiental para que a gente não tenha, no futuro, problemas como tem ocorrido no Rio Grande do Sul. Não adianta só fazer ponte, passagem molhada, um puxadinho aqui, outro ali… se não resolver o problema das áreas de proteção ambiental, os leitos de rios e riachos, as encostas e dizer à iniciativa privada e ao setor imobiliário que não podem entrar nesses espaços. Esses locais precisam ser preservados”, sugeriu.

João Pessoa recebeu um volume de 125 milímetros de chuva no período de 12h, segundo dados da Agência Executiva de Gestão das Águas (Aesa-PB). O volume representa quase metade da média histórica prevista para todo o mês de maio. Pelo menos nove pontos da cidade tiveram bloqueio total do trânsito, de acordo com a prefeitura da Capital.

Assessoria de Comunicação

COMPARTILHE AGORA

OUTRAS NOTÍCIAS