Pesquisar
Pesquisar
Close this search box.

Deputado Tovar lidera resistência contra aumento do ICMS na Paraíba e alerta para impactos na economia estadual

O Projeto de Lei que prevê esse aumento foi aprovado, apesar dos votos contrários de nove dos 36 deputados, e entrará em vigor a partir de 2024.

Publicado: 28/09/2023

FOTO: REPRODUÇÃO

O deputado estadual Tovar Correia Lima, membro do Partido da Social Democracia Brasileira (PSDB) e representante da oposição na Assembleia Legislativa da Paraíba, expressou seu desacordo com a recente aprovação do aumento da alíquota do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) para 20% no estado. Em uma entrevista concedida ao portal “Se Liga PB”, nesta quinta-feira, 28, o deputado destacou sua postura coerente de votar contra aumentos de impostos e enfatizou os impactos que essa medida terá na vida dos paraibanos. O Projeto de Lei que prevê esse aumento foi aprovado, apesar dos votos contrários de nove dos 36 deputados, e entrará em vigor a partir de 2024.

A Coerência na Atuação Política:

O deputado sempre foi conhecido por sua coerência na atuação política, especialmente quando se trata de questões relacionadas a impostos e tributação. Como membro da base oposicionista na Assembleia Legislativa, ele manteve sua posição firme contra o aumento de impostos, argumentando que tais medidas prejudicam diretamente a população.

Em sua entrevista ao portal “Se Liga PB”, o deputado enfatizou que, ao longo de sua trajetória política, votou consistentemente contra qualquer proposta que visasse aumentar a carga tributária sobre os paraibanos. Para ele, isso é uma questão de responsabilidade fiscal e de respeito aos cidadãos que já enfrentam desafios econômicos.

Os Impactos na Vida dos Paraibanos:

Tovar também abordou os impactos que o aumento da alíquota do ICMS terá na vida dos habitantes da Paraíba. Com a elevação da carga tributária sobre mercadorias e serviços, é esperado que os preços ao consumidor final subam, afetando diretamente o poder de compra das famílias paraibanas.

O deputado ressaltou que, em um momento de recuperação econômica pós-pandemia, medidas que aumentam a taxação podem dificultar a retomada da atividade econômica e o equilíbrio financeiro das famílias. Ele argumentou que o governo estadual deve buscar alternativas para o aumento de receita que não recaiam sobre os ombros dos contribuintes, como a revisão de gastos públicos e a promoção de políticas que estimulem o crescimento econômico.

A posição do deputado Tovar contra o aumento da alíquota do ICMS na Paraíba reflete sua firmeza em defender os interesses dos cidadãos e manter uma postura coerente em relação à política tributária. Enquanto o aumento passa a valer a partir de 2024, a discussão sobre o impacto dessa medida na vida dos paraibanos continua sendo um tópico relevante no cenário político e econômico do estado.

Redação

COMPARTILHE AGORA

OUTRAS NOTÍCIAS