Pesquisar
Pesquisar
Close this search box.

Lei que homenageia Mestre Duduta no dia do Choro, é sancionada

Seu legado segue sendo relembrado pelas rodas de choro na Rainha da Borborema, através de rodas de choro, do grupo Seu Regional, de qual foi um dos criadores, pelo seu filho Waguinho Duduta e por diversos artistas da música popular brasileira.

Publicado: 25/10/2023

Em celebração ao Choro, gênero musical, o Governo da Paraíba sancionou, na terça-feira (17), a Lei 12.816, de autoria do deputado estadual Chió (Rede), em homenagem ao instrumentista e luthier Mestre Duduta. A Lei considera, a partir da sua publicação no Diário Oficial do Estado (DOE), a data de 23 de abril como Dia Estadual do Choro Mestre Duduta.

Natural de Bananeiras, mas radicado em Campina Grande, José Ribeiro da Silva, que adotou o nome artístico de Duduta, foi o responsável por consolidar o chorinho na terra do forró. Sua casa, no bairro da Prata, tornou-se um ponto de encontro e parada obrigatória para músicos de todas as idades.

Seu legado segue sendo relembrado pelas rodas de choro na Rainha da Borborema, através de rodas de choro, do grupo Seu Regional, de qual foi um dos criadores, pelo seu filho Waguinho Duduta e por diversos artistas da música popular brasileira.

“A aprovação por unanimidade na Assembleia Legislativa e, agora, a Lei sancionada pelo governador João Azevêdo nos traz muita felicidade por saber que conseguimos contribuir para a consolidação do Mestre Duduta na história do nosso estado, para além do seu legado que já é imortal. Personalidades como Duduta devem ser reverenciadas por nós e por todas as gerações vindouras”, declarou o deputado Chió.

O artista, falecido no ano de 2018, aos 84 anos, também foi responsável por projetar Campina Grande e a Paraíba no cenário nacional através do chorinho.

Assessoria de Comunicação

COMPARTILHE AGORA

OUTRAS NOTÍCIAS